Categorias
Blogue Idade Digital

Vereadores eleitos de Unaí-MG tomam posse e Luciana Alves é eleita presidente da Câmara; entrevista com Ilton Campos

Os 15 vereadores eleitos tomaram posse ontem (01) na Câmara Municipal de Unaí-MG. Próxima reunião será no dia 07/01 para iniciar os trabalhos da nova legislatura. Confira também entrevista exclusiva com Ilton Campos sobre a virada na presidência da Câmara e também sobre os assuntos que serão focados nessa legislatura.
Os novos vereadores de Unaí-MG para a 17ª Legislatura são Alino Coelho (PSDB), Adilson da Saúde (PR), Zé Lucas (PR), Zé Goiás (PSDB), Petrônio Nêgo Rocha (PSL), Luciana Alves (PTB), Eugênio Ferreira (PMDB), Paulo do SAAE (PSL), Shilma Nunes (PV), suplente que assume o lugar de Andréa Machado (PHS), e Netinho do Mamoeiro (PSB); Dorinha Melgaço (PDT) volta à Câmara; dos sete candidatos da legislatura passada, apenas Thiago Martins (PR), Edmilton Andrade (PSD), Ilton Campos (PSDB) e Paulo Arara (DEM) permanecem na Câmara Municipal nos próximos quatro anos.
Todos esses 15 vereadores foram empossados ontem (01) em reunião solene no novo plenário da Câmara Municipal de Unaí-MG a partir das 19h10min. Na oportunidade, Dona Dinha prestou homenagem a sua filha, Dorinha Melgaço, que volta a Câmara Municipal de Unaí.
O Idade Digital não pôde estar presente no plenário em função da falta de convite para imprensa, mas acompanhou e transmitiu informações em tempo real através do Facebook e do Twitter por meio dos telões e da estrutura de som instalada para o público toda a sessão recebendo as dúvidas dos leitores e esclarecendo-as rapidamente. A foto que encabeça a postagem é do site UnaíNet, portal de notícias da região noroeste.
Na eleição para a presidência da Câmara, os vencedores da chapa da situação fizeram seus discursos em torno de agradecimentos e muita dedicação às famílias e ao povo que os elegeram como representantes. Luciana Alves agradeceu a todos os que abraçaram a causa do “muda Unaí” e agradeceu também aos vereadores, lembrando dos serviços e da personalidade de sua mãe, Silvana, e de seu avô, Sebastião Alves Pinheiro, o “Tão”.
Edimilton Andrade, reeleito, agradeceu a Deus e à sua família que, segundo ele, é uma família sem tradição política, mas que sempre o apoiou, ele ressaltou ainda que tem “o compromisso de não atrapalhar o governo”, votando favorável aos projetos que forem benéficos ao povo. Netinho do Mamoeiro, por sua vez, emocionou o público presente com um discurso motivador, contando sua história de vida e afirmou que aquele momento era “um sonho muito grande que se realiza, trabalhando em prol da comunidade que ficou no esquecimento […] do outro lado da ponte […] o bairro Mamoeiro”. Netinho também revelou a história de sua luta em prol dos deficientes físicos, já que ele também é deficiente e foi sócio fundador da Associação dos Deficientes Físicos de Unaí (APDU); Netinho finalizou elogiando o trabalho da imprensa unaiense e disse que acredita na igualdade social.
Virada da situação
Depois de assinado o termo de posse, a sessão para escolha do presidente, vice-presidente, primeiro e segundo secretários foi presidida pelo vereador Ilton Campos. Foram feitas duas votações, pois na primeira votação uma cédula em branco prejudicou o resultado gerando empate e, por isso, foi feita nova votação onde a chapa da situação (Luciana Alves, Edmilton Andrade e Netinho do Mamoeiro) venceram por 8 votos a 7 a chapa A (oposição) que tinha como presidente Thiago Martins, vereador eleito com maior número de votos em 2012.
Portanto, Luciana Alves assume o cargo de Presidente da Câmara, Edimilton Andrade, o cargo de vice-presidente, Netinho do Mamoeiro assume o cargo de 1º Secretário da casa, já o cargo de 2º secretário será concorrido em votação posteriormente porque a chapa não apresentou membro para esse cargo.
No entanto, era esperado conforme os candidatos que disputaram os cargos de vereadores que a chapa da oposição tivesse, no mínimo, nove votos em função dos vereadores eleitos na coligação de Branquinho. Por 8 votos a 7, a oposição perdeu e agora, com maioria na Câmara, Delvito Alves encara a Prefeitura numa situação mais confortável.
Entrevista com Ilton Campos
Ilton Campos, reeleito pelo PSDB, partido de Branquinho, falou com o ID a respeito dessa virada e também explanou a respeito dos próximos trabalhos que virão nessa legislatura. Confira abaixo a entrevista:
ID: A administração passada (oposição) esperava pelo menos nove votos para eleição da chapa opositora ao governo, mas isso não aconteceu. Como sendo o mais veterano aqui na Câmara e também como membro da oposição na eleição para a presidência, o que o senhor acha que provocou essa virada da situação?
Ilton Campos: Na política, acontecem muitas surpresas como essa aqui, nós estávamos contando realmente que poderia haver a vitória da chapa encabeçada pelo vereador Thiago, no entanto, o resultado foi oposto. O problema do voto secreto facilita para que não saibamos quem votou em quem, e o vereador poderá olhar para seus interesses particulares em detrimento da fidelidade partidária, então, acredito que não sei por qual razão, às vezes o vereador quer buscar a força perante o executivo para que possa atender seus eleitores, pode ter, nesse pensamento, mudado para a chapa contrária. O vereador Thiago também teve um bom relacionamento na Câmara Municipal, mas a gente fica por entender.
ID: Em que serão focados os trabalhos dessa nova legislatura?
Ilton Campos: A ‘gente’ deseja agora que os eleitos, tanto o prefeito quanto a presidente e nós, os 15 vereadores, possamos favorecer o trabalho em prol da comunidade e que possamos colocar em primeiro lugar o trabalho de fiscalização do Poder Executivo, de criar as leis em benefício da comunidade unaiense e ajudar a organizar a nossa cidade, tornando um local melhor e mais agradável para se viver. Precisamos dar medidas urgentes para combater urgentemente o índice de criminalidade em nossa cidade e o uso de drogas, que não estamos tendo controle; e sabemos também que está vindo o campus da universidade federal, que já chegaram até alguns equipamentos em Unaí, e independente de sigla partidária, abraçar esta campanha para que nossos estudantes tenham condições de se matricular numa faculdade federal gratuita, bem como ampliar a Unimontes e sabemos também que virão muitos outros estudantes de outras cidades fixar residências juntamente com suas famílias, por isso, precisamos de uma solução para abriga-los com dignidade.
O IDtrouxe no ano passado a série “Drogas: a guerra está declarada!” que abordou bem a ligação do uso de drogas com a criminalidade em nossa cidade e recebeu a apreciação de alguns vereadores que já trabalham buscando aprofundar no assunto.
Bruno de Oliveira Rocha 

Por Bruno Cidadão

Comunicador | Pesquisador | Checador

0 resposta em “Vereadores eleitos de Unaí-MG tomam posse e Luciana Alves é eleita presidente da Câmara; entrevista com Ilton Campos”

Comente! Aqui é o lugar!