Categorias
Cultura

Três títulos indispensáveis à compreensão do mundo

No primeiro semestre deste ano, aproveitando do rico acervo da Biblioteca do IFTM Paracatu – instituição a qual eu estudo -, tive a oportunidade de ler três títulos que eu julgo, após muito pensar, serem indispensáveis à compreensão do mundo. Tratam-se de obras magníficas, onde há uma reflexão poderosa sobre a vida e a identidade humana perante as dificuldades e sua representação perante a sociedade.

O primeiro livro é “Singular – o poder de ser diferente”, uma obra de Valdir R. Bündchen e Jacob Pétry, disponibilizada pela editora LEYA Brasil, a qual mostra em linguagem técnica a singularidade do ser humano, a capacidade de enfrentar desafios e de alcançar sonhos. Sem dúvida, a leitura deste livro me abriu muito a perspectiva e me fez progredir em busca da quebra de minha zona de conforto. Quem ler esta obra terá uma resposta imediata em si, além de aprender muito sobre a valorização do indivíduo e das diferenças de cada um. E quem achar que é só teoria, vale a pena ler, pois dentro do livro são apresentados estudos de caso sobre criadores do McDonalds, Starbucks, Mary Kay, sobre o esportista Michael Jordan e sobre outras personalidades incluindo um brasileiro.

O segundo livro é “A Revolução dos Bichos”, uma crítica de Eric Arthur Blair (cujo pseudônimo é George Orwell) sobre o regime de poder implantado na União Soviética durante a Segunda Guerra Mundial. Publicado ainda em 1945, o livro se tornou, no Ocidente, um panfleto contra o comunismo. É curioso que o próprio Orwell é socialista e sentiu-se incomodado com o uso do livro pelos ocidentais. Percebo que deveria ter lido este livro antes de ter meus 10 anos, com certeza. Além de ser uma fábula e representar em detalhes muito característicos a prática de regimes autoritários e até mesmo as trapaças que vemos governantes fazer hoje enquanto assistimos a tudo sem poder dar um pio. Apesar de já ter tido a recomendação para a leitura do mesmo certa vez, só fui ler em meados de maio deste ano. É leitura obrigatória para quem quer enxergar o que acontece quando as regras não são seguidas – ou pior, elas são mudadas para que os porcos (sic) sejam beneficiados. Vale a pena ler.

O terceiro livro (que, na verdade, foi o primeiro que li) é “Que tipo de pessoa você quer ser?”, uma obra de Harold Kushner publicada pela editora Sextante, cuja reflexão se dá no campo espiritual. Através de uma análise bíblica da luta de Jacó com o anjo. Jacó, no episódio bíblico, trapaceou seu irmão Esaú, mas ao final, depois de tantas intempéries tornou-se um “homem de Deus” após se redimir e arrepender-se. Mais que analisar um texto bíblico, o autor faz uma completa e profunda reflexão sobre as pequenas atitudes boas e ruins que fazemos todos os dias e seus resultados para nós e para os outros. É uma leitura prazerosa, rápida e envolvente. Vale a pena dispensar quatro horas do seu tempo para ler esta obra edificante.

Abaixo seguem links com resumos dos livros. “Ler também é um exercício”.

Singular – o poder de ser diferente (https://goo.gl/Tnk87o)
A Revolução dos bichos (https://goo.gl/KoeEBa)
Que tipo de pessoa você quer ser? (https://goo.gl/1iVVW1)

Por Bruno Cidadão

Comunicador | Pesquisador | Checador

0 resposta em “Três títulos indispensáveis à compreensão do mundo”

Comente! Aqui é o lugar!