Categorias
Factuais Política

Cartão Saúde Unaí: um passo fundamental

O cartão é uma espécie de identidade única para o munícipe no qual há a impressão digital e dados pessoais do indivíduo.

Para muitos, a saúde brasileira é e sempre será uma verdadeira “zorra”. Desde médicos mal capacitados até condições precárias de atendimento, Brasil afora se vê um profundo descaso com a população de determinadas localidades. Quando não é a falta de médico, é a superlotação dos hospitais. Os locais que deveriam ser de paz e silêncio são lugares hostis, cuja permanência somente piora a situação do paciente.

Unaí recebe a população de pelo menos dez municípios vizinhos para tratarem de enfermidades mais graves. Com apenas um hospital municipal, este com pronto-socorro integrado, fica fácil imaginar a superlotação, a incapacidade do atendimento integral aos pacientes e as inacabáveis transferências às pressas para Brasília-DF ou Patos de Minas-MG.

Desde o mandato de Antério Mânica (2005-2012) até o mandato do atual prefeito, Delvito Alves (2013-2016), a preocupação com a saúde tem sido grande, mas ainda não à altura dos problemas crônicos. Mânica, enquanto prefeito, recebeu verbas para a construção de Unidades Básicas de Saúde (algumas, mesmo concluídas, estão fechadas por falta de pessoal). O atual prefeito conseguiu viabilizar verbas que irão, de vez, melhorar a saúde unaiense: a construção de uma policlínica, por exemplo, é uma delas.

Cartão Saúde Canoas. Unaí terá um sistema de gestão de saúde inspirado no sistema canoense (Foto: Reprodução/Prefeitura Municipal de Canoas)
Cartão Saúde Canoas. Unaí terá um sistema de gestão de saúde inspirado no sistema canoense (Foto: Reprodução/Prefeitura Municipal de Canoas)

Também foi anunciada a implantação de um sistema de gerenciamento da saúde dos cidadãos, gerenciado e implementado pela empresa Health Solutions (HS). A implantação ocorre de forma gradual e, atualmente, está sendo realizada a confecção do “Cartão Saúde Unaí“. O cartão é uma espécie de identidade única para o munícipe no qual há a impressão digital e dados pessoais do indivíduo. Essa é a segunda etapa, subsequente à implantação da Central de Regulação em Saúde (local para marcação de exames e consultas). O sistema unaiense, após terminado, será uma cópia adaptada do sistema de saúde da cidade de Canoas-RS.

A confecção do cartão ocorre em quatro pontos na cidade visando atender de forma regionalizada toda a população. Todos os cidadãos unaienses – de bebês a idosos – deverão fazer o cartão. No ato é preciso levar a carteira de identidade – não pode ser outro documento, pois há de se ter a data de expedição -, CPF, um comprovante de endereço recente – registrado no próprio nome para maiores de 18 anos – e a certidão de nascimento, apenas para os menores de 18 anos. Não é preciso levar as cópias, mas os documentos originais. No ato também são colhidas as digitais do usuário, o que garantirá o ciclo de tratamento em todas as unidades de saúde ao final da implantação do sistema.

Com o uso da totalidade de unidades de saúde e a implantação completa do sistema de gerenciamento de saúde unaiense, a cidade promete dar um salto na qualidade de atendimento aos usuários. Mais que necessária, a atuação forte e muito bem planejada do Poder Público em torno da saúde no município irá beneficiar os cidadãos de uma das cidades mineiras que mais crescem. Sem dúvida, o Cartão Saúde é um passo fundamental na melhoria do sistema de saúde, que sempre foi vítima de aproveitadores e oportunistas.

Depois desta etapa, haverá a adequação das unidades de atendimentos (hospital, pronto-socorro, postos de saúde, policlínicas, etc.) e a implantação de um sistema de teleagendamento de consultas. Aos poucos, uma Unaí melhor vai sendo construída. E ela depende de cada um cidadão para se tornar ainda melhor. Faça já o seu cartão e se coloque na dianteira de uma saúde para todos, mais humanizada e eficiente.

Locais para realizar seu cadastramento no Cartão Saúde Unaí, de acordo com o site da Prefeitura Municipal:

São pontos fixos para o cadastramento dos cidadãos (de todas as idades, inclusive bebês abaixo de um ano) a sede da Prefeitura (atendimento das 8h às 17h) e a Central de Regulação (13h às 17h). Outros pontos (nesse primeiro momento) são a Unidade Básica de Saúde do CAIC – Novo Horizonte (atendimento das 8h às 17h) e Unidade Básica de Saúde do Mamoeiro (8h às 17h).

Por Bruno Cidadão

Comunicador | Pesquisador | Checador

Comente! Aqui é o lugar!