Categorias
Educação Tecnologia

O maravilhoso mundo dos cursos livres EaD (GRÁTIS)

Há plataformas pagas e plataformas gratuitas, mas eu tomei o cuidado de selecionar para você somente as que têm cursos gratuitos aqui. Para todas basta ter acesso à internet e um computador ou smartphone.

Desde 2017, com a alteração das regras para a expansão da educação a distância (EaD) no Brasil, pipocaram milhares de faculdades, centros universitários e universidades EaD no país. Em Unaí-MG, por exemplo, até 2017, a cidade contava com seis polos de instituições educacionais com cursos EaD. Agora, são onze polos, quase o dobro. Apesar disso, este post não é para falar sobre cursos de graduação, mas sobre o cursos EaD livres, aqueles que não dependem de certificação ou reconhecimento por parte do Ministério da Educação (Mec) e podem ser oferecidos por qualquer pessoa e instituição.

Os cursos livres têm um papel muito importante na vida de muitos acadêmicos – pois as atividades complementares podem ser comprovadas através de cursos assim – e de profissionais em processos seletivos – pois os cursos podem significar pontos a mais colocando o profissional à frente dos concorrentes. Além disso, os cursos têm um papel importante: formar a comunidade das instituições de forma rápida, grátis, sem dispêndio de tempo e recursos por parte da instituição, cumprindo com uma função social ao mesmo tempo que não precisa dispor de salas e outros recursos. Nem mesmo professor tutor é necessário, basta um conteudista que construa o currículo do curso e o atualize a cada turma nova nas plataformas de cursos em massa, as chamadas MOOCs, cujo principal exemplo é a plataforma Moodle, gratuita, de código aberto e bastante automatizada e personalizável.

Fiquei interessado, onde faço os cursos?

Há plataformas pagas e plataformas gratuitas, mas eu tomei o cuidado de selecionar para você somente as que têm cursos gratuitos aqui. Para todas basta ter acesso à internet e um computador ou smartphone.

  • Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS): oferece cursos sem tutoria nas áreas de Ambiente e Saúde, Ciências Exatas e Aplicadas, Educação, Gestão e Negócios, Idiomas, Informática, Produção Alimentícia, Turismo e Hospitalidade. Todos os cursos são gratuitos e a nota mínima para obter o certificado é de 7,0/10,0. A maioria tem duração de 20h. Há emissão gratuita de certificado em PDF. Basta criar uma conta, acessar a plataforma, escolher o curso e se matricular, depois é só estudar, fazer as atividades e provas e obter o certificado.
  • Instituto Saberes/Senado Federal: oferece cursos sem tutoria nas áreas de Direito, Língua Portuguesa, Ciências Políticas, Processo Legislativo, Atendimento, Gestão e Eventos. Todos os cursos são gratuitos, com duração de cerca de 30 horas, e emissão de certificado em PDF. Só pode se matricular em dois cursos simultaneamente. Basta criar a conta, acessar a plataforma, fazer o curso e as provas para obter o certificado.
  • Academia Comunique-se: oferece cursos sem tutoria para jornalistas e estudantes. Há cursos gratuitos e pagos, ambos com certificado em PDF. A duração varia de curso para curso e há muitos vídeos para serem assistidos, como manda a área. Basta criar a conta, receber um bocado de e-mails de vez em quando, fazer o curso e receber o certificado.
  • Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (Uaitec): oferece cursos sem tutoria EaD e cursos semipresenciais (com percentual de aulas nas unidades da Uaitec em Minas Gerais, uma delas em Paracatu-MG) em várias áreas, desde Tecnologia da Informação até Serviços de Construção de Alvenarias. Todos os cursos são gratuitos. Para ingressar é necessário se inscrever na plataforma e aguardar abertura de turma, caso o curso desejado já esteja em andamento. Há cursos com até 160h de duração, sendo importante certificado para efeitos de seleção e promoção trabalhista.
  • Centro Paula Souza (CPS): Oferece cursos de capacitação sem tutoria EaD nas áreas de educação, comportamento, gestão e carreira. Os cursos são muito bem construídos e as provas não são fáceis, mas compensa bastante estudar. A instituição paulista é referência nacional no ensino técnico e profissionalizante. Basta criar a conta na plataforma, fazer o curso e ficar na plataforma por um tempo pré-determinado (logo, não tem essa de sair fazendo as provas todas de uma vez, tem que estudar mesmo!) para obter o certificado em PDF.
  • Escola Aberta do Terceiro Setor: essa plataforma é uma joia rara! Para as pessoas que trabalham no Terceiro Setor (entidades sem fins lucrativos, associações, fundações, etc.), essa plataforma é praticamente tudo o que precisamos ter para desempenhar um bom trabalho. Oferece cursos nas áreas de captação de recursos, gestão, comunicação, desenvolvimento de projetos e aspectos jurídicos relacionados. Todos os cursos têm emissão de certificados. As aulas sempre têm vídeos e atividades e os cursos têm um currículo bastante atual. Basta criar a conta e fazer. A formação Agente do Terceiro Setor, que engloba vários cursos, tem duração de 320h, certificação perfeita pra você mostrar para sua instituição e pedir aquele aumento salarial!
  • Unieducar: os cursos gratuitos oferecidos pela universidade corporativa não são muito extensos, têm duração de 2 a 4 horas, e são um aperitivo para os cursos com longa duração (estes, sim, pagos) da instituição. Vale a pena fazer, mas cuidado: só é admitido fazer um curso a cada 30 dias, então escolha bem!
  • Treinamentos Portal Periódicos/CAPES: Para pesquisadores e estudantes que ainda não são familiarizados com as publicações catalogadas pela Capes ou que têm vontade de ingressar na área de pesquisa, os treinamentos do portal Periódicos são uma excelente opção. Todos são gratuitos e online, mas fique atento, pois para conseguir o certificado é preciso assinar uma lista externa e ainda estar online, de fato, durante a transmissão do treinamento. Crie a conta, solicite a inscrição e aguarde a confirmação por e-mail com as instruções.
  • (bônus) Universidade Aberta do Brasil (UAB): o Brasil passa por uma crise financeira e pode ficar estagnado nos próximos anos. O investimento feito na sua educação, porém, nunca é perdido. O governo federal, através de parcerias com estados e municípios, oferece cursos federais e estaduais de graduação EaD, com encontros presenciais mensais. A formação é de qualidade e você pode estudar em casa, no conforto do seu sofá, indo apenas uma vez ao mês no polo (verificar regimento de cada curso). Verifique se na sua cidade ou próximo dela, há algum polo e fique atento aos editais, que são lançados pelas próprias faculdades e universidades que ministram o curso, com regras próprias e sem vinculação com o Enem.

E para ter acesso a mais cursos, é sempre muito importante seguir sites que falem sobre o assunto. No Brasil, temos o Eu, estudante, a Universia Brasil, o portal EAD, entre outros.

Interação do Eu, estudante, com Bruno Cidadão (Fonte: Twitter/Reprodução)

Agora é com você! Se você achou útil, compartilha essa informação com algumas pessoas na sua rede social, no seu WhatsApp ou mesmo de boca a boca. Até o Eu, Estudante (site de notícias de educação ligado ao Correio Braziliense) gostou dessas informações e disse que compartilhar é um bom exemplo, escutem-no!

Capa: Pixabay

Comente! Aqui é o lugar!