Categorias
Cultura Relacionamentos

Os amores transmitidos em cartas são únicos

E se você ainda não escreve cartas porque acha clichê, eu te respeito, mas experimenta começar a escrever. Te garanto que você nunca mais vai querer se distanciar do papel. E quando você começar a receber suas cartas também entenderá o quanto é gostoso perceber o carinho de alguém através do papel.

Categorias
Cultura Relacionamentos

Que bom que você chegou!

Que bom que você chegou,
mas que bom mesmo é que você não se assustou,
me conheceu por inteiro e não se afastou,
pelo contrário, olhos nos meus olhos e então,
me amou.

Categorias
Cultura

Precisamos conversar sobre rejeição – uma reflexão sobre “De quem é a culpa?”

Marília Mendonça, a cantora da sofrência, estabelece logo no final da música que o grande problema é que “me apaixonei pelo que inventei de você”. Idealizamos o outro, inclusive sua aprovação a nós. Imaginamos que ao gostar de alguém isto nos será recíproco. Nem sempre é.

Categorias
Cultura

A arte do segundo lugar – uma reflexão sobre “O Maior Idiota do Mundo”

Ao se perder aquilo que tanto se almejava, também é possível encontrar ensinamentos e um pouquinho de sorriso. Perder, nem sempre, é uma certeza de que você nunca mais irá ganhar. Perder pode ser apenas um jeito difícil de aprender a ganhar.

Categorias
Cultura Factuais

Cadastro Municipal de Cultura é via de acesso para recursos da Lei Aldir Blanc

Podem se inscrever fazedores de arte e cultura em geral, incluindo artistas, grupos, coletivos, entidades não governamentais e empresas que trabalhem com cultura. O cadastro passa por uma análise e terá o resultado homologado até o dia 02 de outubro de 2020.

Categorias
Cultura

Reciprocidade e vulnerabilidade – uma reflexão sobre “Sinceramente”

Reciprocidade é sobre ter do outro uma troca similar ao que está sendo oferecido. Vulnerabilidade é sobre ser humano e demonstrar fraquezas e fortalezas perante o outro sem medo de que este faça mau uso desse acesso.

Categorias
Cultura

O que aprendi assistindo “Sonic”

Sonic ganha e dá amor. “Essa criatura sabe mais sobre ser humano do que [o vilão]”, disse Tom, personagem do filme. É o resumo.

Categorias
Cultura

Decorou e se fodeu – uma reflexão sobre “Agora eu quero ir”

Há uma música de Ana Caetano e Tiago Iorc, interpretada pela dupla Anavitória, que fala muito sobre o perigo de relações estabelecidas num patamar de ausência de reciprocidade. Quero compartilhar parte da letra dela com breves reflexões e, ao fim, o vídeo.

Categorias
Cultura

Hoje é dia de quem conta a História

Hoje é dia de quem representa, como ninguém, um dos pilares da democracia. Hoje é dia de quem participa da História transmitindo e gerando material para que outras pessoas também conheçam e tomem decisões.

Categorias
Cultura Espiritualidade

Dar e semear primeiro, se a colheita vier é lucro

Que você fique no amor. E possa plantar nos terrenos que lhe foram concedidos. Nunca se esqueça dos pilares e dos princípios cujo o amor se baseia. Algumas pessoas são um exercício diário – senão todas. Ame-as.