Categorias
Comportamento

Só há deleite no abraço se não houver medo

Apenas reconhecendo a nós mesmos e a quem está do nosso lado é que podemos abandonar nossas garras, nossa armadura e nos deleitarmos em abraços demorados, quentes e com olhos fechados, daqueles em que o mundo parece se reduzir aos braços nos quais estamos envoltos e tudo parece ser possível.

Categorias
Cultura

A imperfeição humana na afetividade – uma reflexão sobre “Bilhetes”

Essa música é sobre a imperfeição humana. Escancarada. Absurdamente falada. E poeticamente composta. A imperfeição que ajuda a não sermos piores que ontem nem melhores que ninguém.

Categorias
Comportamento

A espera que constrói

A espera que constrói reconhece o medo. Reconhece a angústia, o desejo de morte, a ansiedade, reconhece tudo. Mas reconhecer não é sobre desistir. A espera que constrói é sobre fazer o que é certo, mesmo quando isso não dá certo, e ainda assim, continuar fazendo.

Categorias
Relacionamentos

Conexões raras: sensibilidade, devoção e intimidade

Eu tenho total certeza de que não tenho certeza alguma sobre o que esse amor traz. O amor acontece.

Categorias
Factuais Tecnologia

Dr. Presente: bot no WhatsApp faz triagem para suspeitos de COVID-19

Após a triagem, se o paciente se enquadrar em algum dos sintomas de COVID-19, o bot realiza um agendamento de consulta. Não há custo para utilizar a ferramenta e, ao final do texto, você encontrará um passo a passo e os links para realizar a sua triagem.

Categorias
Comportamento Espiritualidade

O amor não gera medo, mas envolve desafios e incertezas

Gosto de dizer que o amor é desafiante. Mais pra quem pratica do que para quem recebe, no entanto, até receber amor também é um desafio. Além disso, o amor passa segurança, mas é repleto de incertezas. É justamente na incerteza que o amor assume seu papel de moderador, de equilibrista, em qualquer tipo de relação.

Categorias
Espiritualidade

Amar até o fim, como Jesus fez

*Reflexão Bíblica aplicada no Grupo de Oração Universitária “Semeadores da Palavra” no dia 25 de fevereiro de 2016, no IFTM Paracatu.

Categorias
Espiritualidade

O que aprendi a deixar na cruz

Jesus Cristo, Filho de Deus, a encarnação da natureza divina. Acredito que a cruz, hoje vazia, que simboliza o cristianismo mundial tem muito a nos dizer. A morte de um único homem produziu salvação, justificação, graça e misericórdia para todos os homens e mulheres desta Terra. Mas o que significa entregar a vida a Jesus […]