Categorias
Comportamento

Uma pessoa que nos faz sentir bem

Quem nos faz sentir bem é como se fosse coparticipante de nossa personalidade porque… essa pessoa nos entende!

Categorias
Comportamento

As pegadas deixadas por quem visita nossa alma

Pessoas que ocupam nossas almas nunca vão embora pra sempre e elas sempre terão acesso ao melhor de nós, em qualquer tempo e a qualquer circunstância.

Categorias
Comportamento

Entre o descrédito e a valorização há um abismo

Sete passos entre o descrédito e a valorização. Vamos desvendá-los?

Categorias
Comportamento

O outro lado de quem manipula

O outro lado de quem manipula é sempre mau. Há quem seja do bem e mesmo assim tenha que controlar o mau.

Categorias
Comportamento

A dedicação constrói, a verdade mantém e o registro eterniza

O amor precede a dedicação e finda-se no registro, mantendo-se pela verdade.

Categorias
Cultura

Parar e silenciar – uma reflexão sobre “Você me bagunça”

Mas e depois que a bagunça está feita e só nos resta parar e silenciar? Essa música também nos traz a certeza de que, embora não seja tão confortável a afirmação, a bagunça faz parte de nossas vidas como incerteza.

Categorias
Comportamento

A espera que constrói

A espera que constrói reconhece o medo. Reconhece a angústia, o desejo de morte, a ansiedade, reconhece tudo. Mas reconhecer não é sobre desistir. A espera que constrói é sobre fazer o que é certo, mesmo quando isso não dá certo, e ainda assim, continuar fazendo.

Categorias
Comportamento Relacionamentos

Alguns dias serão terrivelmente ruins e outros maravilhosamente bons

Hoje escrevo com a certeza de dias melhores, independente de serem terrivelmente ruins ou maravilhosamente bons. Dias melhores porque estarei total e integralmente em cada um deles.

Categorias
Relacionamentos

Se você racionalizar a paixão, ela morre

É preciso se precaver, eu entendo e concordo, mas economizar na paixão quando se sabe o que quer é, no mínimo, horripilante. Podemos domar as atitudes que temos a partir da paixão.

Categorias
Comportamento

Há um hiato em nossas comunicações mais íntimas

Inúmeras coisas ditas, algumas escutadas, pouquíssimas vividas e nenhuma compreendida. Assim tem sido a nossa comunicação com os mais próximos. Mesmo que você tenha se esforçado constantemente para evitar que isso ocorra, os riscos são grandes.